segunda-feira, 13 de abril de 2009

Ponto alto do meu dia, ou talvez não.

Todos os dias falo com muita gente. Muita gente diferente. Hoje, já no fim da tarde, entraram duas pessoas. O "Manuel" e um colega.
- Olá "Manuel", está bem disposto? Veio assinar a documentação?
Nisto levanto-me para entregar e explicar a documentação em causa... e o espectáculo começa.
- "Eh lá!!! Você é muita grande!!", disse o acompanhante enquanto se levantava e comparava a altura dele com a minha.
A tentar concentrar-me no que estava a fazer, também para não me rir, continuo a ouvir.
- "Você é mesmo muita grande! Quando é que mede? Joga basquete de certeza! Joga ou não joga!?", insistia perante a ausência de resposta.
Com muita vontade de rir, lá digo:
- "Já joguei..."
- "Pois!! Também me parecia, disse orgulhoso por ter adivinhado... Nota-se! Jogou onde? Sismaria? E já deixou de jogar? Tinha quantos anos quando deixou? 30?
- "35..."
- "Xiii é uma pita ainda! Deixou de jogar porquê? Já sei... deixou de jogar, porque começou a namorar... apaixonou-se, não foi!? Depois ficou em casa, no sofá... a ver a TVI..."
E o controlo do riso, começava a ser insuportável, perante o monólogo do senhor. A minha colega já tinha mudado de sala para se rir à vontade e eu ali.
Já com os olhos turvos com lágrimas do riso contido, sai-me um "O senhor é um poeta...", e ele continua com cara de parvo a olhar como se nunca tivesse visto e a falar, a falar...
- "É mesma grande. E elegante. E simpática..."
Até que chegou a cereja. Com um ar sábio diz:
- "Sabiam que as mulheres mais altas, são as mais calmas?! São como os cães!"
Bom, aqui confesso que não aguentei. Perdi a compostura e saltou-me uma gargalhada do tamanho da parvoíce.
- "O senhor tem consciência que acabou de me comparar com um cão? Obrigada por melhorar o meu dia!"
E lá continuou, a falar das várias raças de cães e do quão calmas são ou não, consoante a sua altura. Disque os grandanoir's são calmos. Disque!

2 comentários:

Bruno disse...

Epa, isto só pode ser a tua imaginação fértil a trabalhar...não existe ninguém assim...loool...

Halley disse...

adorei, lindo mesmo, ALTURA, CÃES E CALMA, lógico não sei como não percebem... eheheh